• Klleverton Reis

Polícia Civil captura animais junto demais órgãos na operação "quatro patas" em Bragança

2ª fase da Operação 'Quatro Patas' é deflagrada pelos órgãos de segurança em Bragança.

Na manhã desta quinta-feira (29) foi deflagrada na Pérola do Caeté, a 2° fase da operação que foi batizada como 'Quatro Patas' pela Polícia Civil, Protetores Ame Pet, Bombeiro Civil e Semma. Diante de inúmeras denúncias recebidas de maus-tratos e crueldade à animais, as equipes sairam em comboio por vários bairros da cidade, onde pessoas apontadas por cometerem os atos, foram autuadas de acordo com a lei e deverão se apresentar até a Unidade Policial de Bragança, para os procedimentos cabíveis. Foram resgatados ao todo durante a operação, três cachorros sendo; dois por estarem em local totalmente insalubre e sem as mínimas condições de cuidado e um abandonado em uma casa, totalmente cheio de sarnas, sem alimentação e água. Lembrando que estamos no Abril laranja, mês de conscientização contra os maus-tratos a animais. A operação deve continuar, com o objetivo de colocar um ponto final definitivamente nos casos de maus-tratos a animais que ainda existam em Bragança. Agora quem maltratar animais poderá ser preso, com pena de dois a cinco anos de reclusão, e ainda pagar multa. Quem maltrata os animais é enquadrado no art. 32 da Lei 9.605/98. Antes da modificação, os autores tinham que cumprir pena de detenção, de três meses a um ano, além de multa. Reportagem e Fotos: "Wualax-Mura"

2 visualizações0 comentário